terça-feira, 23 de março de 2010


"O Homem é do tamanho do seu sonho."
Fernando Pessoa

Que fazias tu meu sonho naquela tarde?
Naquela tarde em que o sol já ia alto
E em que ao som do vento dançavas
Nos braços do meu mar, outro meu sonho...

E fala-me daquele teu jeito solto do cabelo,
Tão esbelto, tão pérfido (...), tão sedutor,
Bailava ao vento em tom de louvor
De uma ostentadora beleza, oh meu amor.

E aquele teu olhar (...) penetrante,
Forte e vibrante, de um ardor interior
Que me crucifica ao pecado do teu corpo.

Mas porque andavas tu, quase nua
E de cabelos soltos ao vento,
Soltando vagos pensamentos…
Naqueles tão vagos momentos?

(Que fazias tu meu sonho naquela tarde?)

Afonso Costa

10 comentários:

tatiana disse...

muito bom

Paula disse...

Mais que ser um prazer, ler-te e sobretudo acalmante, algo que nos deixa descontraidos.
Gostei da combinação de palavras. (:

Inês disse...

Também eu já cá não vinha há uns tempos, Afonso... e manténs a tua capacidade de me prender a tudo o que escreves :)

Curiosamente, não. A história mudou... mudaram as personagens... mas o guião é parecido :x

Obrigada por te lembrares de mim :D

Anónimo disse...

Este post está espectacular! Mesmo, mesmo!Quando juntas as palavras fazes grandes coisas!

P.S- gosto do facto de perguntares :"Que fazias tu meu sonho naquela tarde?".

Não te esqueças é de uma coisa...alguns acontecimentos não precisam de respostas...não tentes procurar uma resposta para tudo=P


MiLLion

Alexandra disse...

Sonhos, para esses nunca há respostas *

Joana disse...

Possivelmente estava a tentar dizer-te alguma coisa. ;)

JoanaFilipe disse...

As vezes esperamos que um sonho nos de a resposta para tdo mas não, teremos de descubri.la sozinhos ou então viver sem o saber....


Melhor blog que ja vi.. *.*
Parabéns

Não sou a melhor pessoa para escrever algo certo mas tento fazer com q s perceba :)

Brid disse...

Muito bonito :)

Saguita disse...

Quem escreve mesmo bem, és tu, a sério C:

lá love disse...

adorei, está excelente :)
fernando pessoa é sempre a inspiração para qualquer coisa *