segunda-feira, 16 de novembro de 2009


 [Imagem: Google]

"O nosso destino é perdermos quem amamos. Se assim não fosse, como saberíamos quão importantes são para nós?"
in «The Curious Case of Benjamin Button»

24 comentários:

Paula disse...

Estranho. Irritante. Desiquietante. Todavia, realista ainda que só um pouco. :)

Helcia disse...

Olá! Adorei seu blog. Postagens maravilhosas. Abraço.

Mary disse...

É bem verdade.Adorei este filme!

filipa disse...

bem verdade :$

*Ariel* disse...

Gostei muito deste filme. No entanto acho que nao perdemos todas as pessoas que amamos - apercebmo-nos que as amamos mesmo sem as perder. Só lhes sentimos mais a falta quando já nao estão tão próximas.

Beijinho :)

Davie disse...

Estou a ver que também te contagiaste com esta maravilha de filme, Afonso :)
Li o texto em baixo também.
Gostei particularmente.
Um abraço :D

Afonso disse...

Óbvio que não perdemos todas as pessoas que amamos, a não ser que morramos depois que todas elas, talvez mesmo só assim. Mas a frase, dita por uma velhota no filme, dá que pensar. E por vezes, realmente perdemos pessoas, e só poderíamos perceber se nos são realmente importantes, depois de as termos perdido.

Beijinho Ariel.

Afonso disse...

David: Adorei o filme, fiquei fascinado com a criatividade de toda a história. :D Abraço.

Ana D disse...

Esse filme é uma obra prima!

Alexandra disse...

Dependendo das circunstâncias, perder é relativo :) *

-tânia disse...

"Eu nasci sob circunstâncias pouco usuais"
Realmente todos nós deveríamos nascer e crescer de forma pouco usual, marcar a diferença, não física, mas psíquica!
Um brilhante filme! :)
Tal como os teus textos!
Um beijo*

Mara disse...

Bom ponto de vista, ainda que doloroso.

U disse...

Concordo e discordo.
(e ficamos por aqui xD)

R. Branco disse...

Quando vi o filme esta frase ecoou vários dias na minha cabeça :)

deborah disse...

pois, eu sei.

eduarda disse...

é triste só vermos o quanto as pessoas são importantes nessas alturas, mas ainda assim, a beleza da vida tambem é um bocadinho isso e o saber dar a volta para recuperarmos o que tinhamos, nao é? :) *

Leto of the Crows disse...

Perde-se, mas o sentimento continua imortal ^^

Inês disse...

calculo que seja verdade... mas é tão injusto... <3

Por entre o luar disse...

Adorei a frase... Mas é pena quandooo só percebemos o quão são importantes na perdaa...!!! =(

beijinhoOoo*

Moonlight disse...

Olá Afonso!

Vim conhecer o teu blog e deparei-me com esta imagem e frase desse filme fantastico que nos faz ver as coisas de um outro prisma.
Realmente por vezes só damos valor aquilo que já não temos ou não podemos ter.
Gostei daqui!!!
Escutei o video,bonito filme tambem!
Lições de vida!!!
Gostei daqui...posso voltar!

Bj com luar

Patricia disse...

Sem dúvida esta frase para mim tem todo o sentido.
Gostei imenso do filme, e de uma outra frase dele :
"Nunca sabes o que te espera. "

Beijinho,

- jezebel disse...

Gostei do blog,
vou seguir :)

Qel disse...

já dizia o outro, só conseguimos dar o verdadeiro valor às coisas e às pessoas quando as perdemos.. *

Fábio Lopes disse...

Não devia ser com o desaparecimento de quem amamos que deviamos sentir a sua falta.
Todavia, é a verdade..!