quinta-feira, 31 de dezembro de 2009


"Cada passagem de ano é como um novo banho de alma, pra recomeçar em grande"
Afonso Costa


A cada passo – fecho os olhos -, a cada instante – vou sentindo -, a cada gesto – suspiro -, a cada palavra – escuto -, a cada momento – vivido – caminho, passo a passo, na celebração de uma vida pela qual me debato, dia após dia, na cantiga triunfal que é esta vida, a MINHA vida. Consigo sentir cada pessoa, mesmo aquelas que se foram embora, consigo relembrar cada palavra, cada momento vivido, cada gota de suor, cada lágrima, cada sorriso… E a cada ano que passa mais valor consigo dar àquilo que realmente me importa. Caramba, porque existem coisas que estão no topo, que importam! Sem dúvida, sem qualquer relutância, em primeiro lugar está a minha família, porque sem ela eu não seria nada. Depois os amigos, os verdadeiros amigos. E por fim, aqueles com quem falamos no dia-a-dia - os “amigos” (entre aspas) - porque também sem eles também não seria possível ter este grande sorriso na cara. Não são vocês que me fazem feliz, porque ninguém pode fazer isso por nós senão nós mesmos, mas são inegavelmente vocês me permitem correr todos os dias atrás do meu sorriso.

Quero agora deixar um grande bem-haja para todos aqueles que me seguem aqui, conhecidos, desconhecidos, amigos e possivelmente alguns familiares. Este cantinho é, desde há quase dois anos, muito especial para mim, e deste modo sinto-me na obrigação de agradecer pelas visitas e pelas palavras que aqui deixaram ao longo destes meses, especialmente os meses mais difíceis do ano (e da minha vida). De Janeiro até Setembro vivi momentos particularmente maus, e confesso que este meu espacinho teve o seu mérito na reconstrução do meu sorriso. Foi aqui que, em momentos de desespero, deixei palavras que saíram de dentro do meu coração como forma de desafogar as minhas mágoas, a minha tristeza, e de certa maneira, de tirar um peso de cima.

E esta noite, relembro, no silêncio da gélida brisa que passa lá fora, o grande ano que foi 2009. Relembro as pessoas, os sorrisos e lágrimas, e na companhia de uma doce melodia, solto lágrimas de saudade, de orgulho mas sobretudo de imensa felicidade porque tenho hoje tudo aquilo que pedi às estrelas da minha constelação. Grito e lanço, cantando no precipício com vista para o imenso mar, palavras de amor para o vento. Aplaudo a vida. Aplaudo aos meus essenciais e à minha vida. Aplaudo, aplaudo, aplaudo e APLAUDO! E abraço-te, meu amor.

Boas entradas, um feliz 2010 pra todos!

Afonso Costa

12 comentários:

Mariana disse...

mais um texto extremamente espectacular, e vou continuar a seguir-te sempre afonso*:)
feliz 2010 pra ti também:P

maria da silva ♥ disse...

boas entradas e feliz 2010 !

filipa disse...

bom ano afonso :b

U disse...

i'm proud of you, always *

Maria Francisca disse...

Olha Afonso, e está mais que no meu dever de te desejar o mesmo. *

Mara disse...

E eu agradeço-te por também teres embelezado o meu 2009. As tuas letras foram conforto e surpresa. Uma boa terapia e refugio. Obrigado por isso e pela personalidade que, mesmo não te conhecendo pessoalmente, adivinho deste lado do ecrã :)

beijinho e uma excelente entrada em 2010*

Sou a Joana disse...

pra ti tambeeeeem +.+

inês chaplin disse...

texto perfeito.
feliz ano novo!

Alexandra disse...

Que este 2010 seja melhor do que o que está a acabar e já agora que nos continues a presentear com o teu talento :) Bom ano novo *

Brid disse...

Fico feliz por ti, ainda bem que neste momento te sentes dessa forma, que sorris :)

Feliz ano de 2010 :) E não te esqueças das 12 passas! eheh

Carolina disse...

que lindoo.
bom 2010 (:

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Não agradeças, Afonso. Eu é que agradeço estares aí com essa tua partilha e esse teu coração.

Desejo-te um FELIZ ANO NOVO onde a Amizade e Amor Universais sejam os teus principais desejos.

Abraço grande