domingo, 17 de maio de 2009

Foto: Pôr-do-sol, Cuba (2006)

O que me faz realmente feliz é acordar e poder sentir o sol na minha cara. Tão simples. O resto vem por acréscimo.

Alguém que traga o bom tempo de volta para estes dias, se faz favor?

18 comentários:

baby piggy disse...

Imitador! Tava muito sol naquele dia, se não não havia sombras para ninguém.

Tururu (L)

Marianita disse...

Sim, precisa-se de sol, com sol parece que se ganha outra força.

Por entre o luar disse...

Espero bem que sim=)

BeijinhoOo Afonso*

António Rosa disse...

Seu blog é muito bom. E a sua expressão literária é excelente. Parabéns.

Luís Gonçalves Ferreira disse...

A natureza mostra-nos a maneira mais fácil de atingir a felicidade. Ela é, acima de tudo, a concretização mais pura da perfeição, dos amores platónicos, da fugacidade da vida.

Admiro as pessoas que se sentem felizes e realizadas quando a contemplam.

Eu também sou assim.

Abraço

PS.: Adorei o musicol. Esta deveria ter sido a música vencedora da ESC 2009. Por que isto é qualidade e sensibilidade artística!

Joli disse...

Foto linda ^^

Realmente -.- Nunca mais o bom tempo, irra!

Aubergine. disse...

Dada a minha condição de moradora numa praia, hoje tive o privilégio de acordar com os primeiros raios de sol a entrar pela janela e o som do mar como música :')

Beijinho Afonso *

V disse...

são as pequenas, as pequeníssimas coisas que realmente são importantes :)

António Rosa disse...

A propósito de um post que escrevi sobre Vulcano, citei e linquei este seu blogue, que aprecio muito e do qual sou visitante regular.

António

diana disse...

é bom acordar com o sol na cara e saber que estamos vivos. Embora eu confesse que também gosto da chuva a bater suavemente na janela.


Seja como for, a vida é feita de coisas tão simples e tão boas. Tão preciosas.

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Passa la no blog. Tens premio. Este é atribuido "pessoalmente", eh eh

abraço

Sandra S. disse...

Sim, também eu acredito em segundas oportunidades. Mal de nós se não acreditássemos. A vida seria ainda mais curta do que ja é.

:)

Ai não, eu não gosto de sentir o sol na cara não. Prefiro ouvir o forte barulho da chuva a bater na minha janela.


Beijinhos em si*

Joana Éme. disse...

Voltou o sol - ainda cansado, querido?

Mara disse...

Obrigado. Hoje não amei como deve ser, ou não me amaram como deve ser.
A foto está qualquer coisa como todas as fotos tuas e as tuas palavras deixam-me sempre com o coração nas mãos.

beijinhos

Alexandra disse...

Eu ontem sai de casa às 6:30h da manhã e não há nada melhor que sentir o sol na cara logo ao início do dia :)

Quanto ao teu comentário, tens toda a razão :S

Beijinhoo *

Menino Poeta disse...

O sol traz consigo um novo horizonte, um novo momento e sonho pra se viver. belo o seu post caro afonso.

Porcelain Doll disse...

Eu prefiro acordar e sentir que se for lá fora cairão gotas de chuva na minha cara... :) Mas também é muito simples, não é?

:)

Beijinhos!

Joana David disse...

Linda foto ;D *